sexta-feira, 24 de março de 2017

A BASE DO EVANGELHO

A BASE DO EVANGELHO
Leia pouco e aprenda muito


Arrependimento, perdão e reconhecimento que Jesus é o Filho de Deus enviado ao mundo para nos remir dos nossos pecados. Esta é a base do evangelho.

Naqueles dias apareceu João, o Batista, pregando no deserto da Judeia, dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.” (Mateus 3:1-2)
Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus.” (Mateus 4:17)
e dizendo: O tempo está cumprido, e é chegado o reino de Deus. Arrependei-vos, e crede no evangelho. (Marcos 1:15)
Pedro então lhes respondeu: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para remissão de vossos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo. Porque a promessa vos pertence a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe; a quantos o Senhor nosso Deus chamar. (Atos 2:38-39)
Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, de sorte que venham os tempos de refrigério, da presença do Senhor, (Atos 3:19)
Somente reconhecendo que Jesus Cristo é o Filho de Deus, enviado para nos remir dos pecados, pode nos proporcionar a salvação.

E como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado; para que todo aquele que nele crê tenha a vida eterna. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem crê nele não é julgado; mas quem não crê, já está julgado; porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus. E o julgamento é este: A luz veio ao mundo, e os homens amaram antes as trevas que a luz, porque as suas obras eram más. Porque todo aquele que faz o mal aborrece a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas. Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que seja manifesto que as suas obras são feitas em Deus. (João 3:14-21)
Portanto, todo aquele que me confessar diante dos homens, também eu o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus. Mas qualquer que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai, que está nos céus. Não penseis que vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas espada. Porque eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra; e assim os inimigos do homem serão os da sua própria casa. Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a mim não é digno de mim. E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim. Quem achar a sua vida perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim achá-la-á. (Mateus 10:32-39)
Jesus não engana ninguém. Ao aceitá-lo como único e suficiente salvador obtemos o perdão de Deus sobre tudo o que fizemos no passado, mas ele é bem claro nos avisando que seremos perseguidos, principalmente pelos nossos próprios familiares e pessoas chegadas a nós. O diabo não liga muito para quem já está nas suas mãos, mas quem escapou da condenação se tornando crente em Jesus é grandemente perseguido, pois ele quer pegá-lo de volta. Por isso temos que ser persistentes e vigilantes para que não venhamos a cair nas suas armadilhas. Cuidado, religião não salva ninguém. Mesmo você aceitando Jesus e se tornando um crente assíduo, se não permanecer na palavra pode se perder:

Venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. (Ap. 3:11)
Portanto seja persistente. Mantenha-se fiel à sua palavra e tu vais receber no porvir um novo corpo, incorruptível, imortal, semelhante ao dos anjos. Afinal, o que são cento e vinte anos comparados com a imortalidade? Com certeza vale a pena ser fiel.

Deus abençoe,
R. S. Chaves








quinta-feira, 23 de março de 2017

O MANDAMENTO DE JESUS

O MANDAMENTO DE JESUS
Leia pouco e aprenda muito

Jesus mandou que amássemos uns aos outros. Não somente aos irmão, mas também aqueles que nos perseguem e desejam o nosso mal:

Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei a vós, que também vós vos ameis uns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos outros. (João 13:34-35)
Ouvistes que foi dito: “Amarás ao teu próximo, e odiarás ao teu inimigo.” Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem; para que vos torneis filhos do vosso Pai que está nos céus; porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons, e faz chover sobre justos e injustos. Pois, se amardes aos que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo? E, se saudardes somente os vossos irmãos, que fazeis demais? Não fazem os gentios também o mesmo? Sede vós, pois, perfeitos, como é perfeito o vosso Pai celestial. (Mateus 5:43-48)
João também nos exorta a amarmos nossos irmãos:

Amados, não vos escrevo mandamento novo, mas um mandamento antigo, que tendes desde o princípio. Este mandamento antigo é a palavra que ouvistes. Contudo é um novo mandamento que vos escrevo, o qual é verdadeiro nele e em vós; porque as trevas vão passando, e já brilha a verdadeira luz. Aquele que diz estar na luz, e odeia a seu irmão, até agora está nas trevas. Aquele que ama a seu irmão permanece na luz, e nele não há tropeço. Mas aquele que odeia a seu irmão está nas trevas, e anda nas trevas, e não sabe para onde vai; porque as trevas lhe cegaram os olhos. (1 João 2:7-11)
Quem ama cuida. Quem ama deseja o bem. Quem ama ora a favor, nunca contra. Quem ama perdoa. Ame ao próximo como a ti mesmo. Faça aos outros o que queres que te façam.

Deus abençoe,
R. S. Chaves




quarta-feira, 22 de março de 2017

ACERCA DA ADORAÇÃO

ACERCA DA ADORAÇÃO
Leia pouco e aprenda muito

Adorar significa cultuar, reverenciar, venerar. Você adora a Deus prestando-lhe culto ou se prostrando, assim como o cego que foi curado:

Soube Jesus que o haviam expulsado; e achando-o perguntou-lhe: Crês tu no Filho do homem? Respondeu ele: Quem é, senhor, para que nele creia? Disse-lhe Jesus: Já o viste, e é ele quem fala contigo. Disse o homem: Creio, Senhor! E o adorou. (João 9:35-38)
No culto de adoração costumamos orar (conversar com Deus) fazendo pedidos, súplicas, pedidos de livramento, etc. Cantamos hinos de louvor, lemos salmos, agradecemos a Deus pelas bençãos recebidas, ensinamos e aprendemos a Palavra de Deus.
Nas igrejas pentecostais, onde há revelação, Deus fala conosco através dos profetas, servos de Deus que têm o dom de revelação. Nas igrejas tradicionais, que não há esse dom, Deus fala através da sua Palavra usando o próprio pastor ou outros obreiros para que o povo seja edificado.

Louvar ao Senhor

Louvar significa elogiar, falar bem de, enaltecer. Você pode louvar ao Senhor através dos cânticos de louvor, lendo salmos, orando, conversando, etc.

Exemplos de louvor:

Ó Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra, tu que puseste a tua glória dos céus! (Salmo 8:1)
Digo ao Senhor: Tu és o meu Senhor; além de ti não tenho outro bem. Quanto aos santos que estão na terra, eles são os ilustres nos quais está todo o meu prazer. Aqueles que escolhem a outros deuses terão as suas dores multiplicadas; eu não oferecerei as suas libações de sangue, nem tomarei os seus nomes nos meus lábios. Tu, Senhor, és a porção da minha herança e do meu cálice; tu és o sustentáculo do meu quinhão. As sortes me caíram em lugares deliciosos; sim, coube-me uma formosa herança. Bendigo ao Senhor que me aconselha; até os meus rins me ensinam de noite. Tenho posto o Senhor continuamente diante de mim; porquanto ele está à minha mão direita, não serei abalado. (Salmo 16:2-8)
Eu te amo, ó Senhor, força minha. O Senhor é a minha rocha, a minha fortaleza e o meu libertador; o meu Deus, o meu rochedo, em quem me refúgio; o meu escudo, a força da minha salvação, e o meu alto refúgio. Invoco o Senhor, que é digno de louvor, e sou salvo dos meus inimigos. (Salmo 18:1-3)
Cânticos de louvor

Cânticos de louvor são hinos de enaltação ao Senhor, aos quais o seu nome é exaltado.


Culto de ação de graças

É um culto de agradecimento a Deus por uma grande graça alcançada.


Adore ao Senhor, pois é digno de louvor. Ele é o nosso salvador. Ele é o criador do universo e da Terra.

Deus abençoe,
R. S. Chaves

Vocabulário:
Adorar: Cultuar divindade; reverenciar, venerar.
Cultuar: Render culto a; idolatrar; venerar.
Louvar: Elogiar; falar bem de; enaltecer.
Enaltecer: Tornar alguém ou algo grandioso; atribuir maior valor ou grandeza.
Glorificar: Dar ou proclamar glória ou honra a; celebrar, exaltar, louvar.
Ação de graças: Testemunho de agradecimento, reconhecimento.





Leia os livros de R. S. Chaves



terça-feira, 7 de março de 2017

SURPREENDA

SURPREENDA
Leia pouco e aprenda muito

Quando fazemos a vontade de Deus, não fazemos mais do que a nossa obrigação. Quando trabalhamos numa empresa temos um contrato com o nosso empregador para trabalhar um certo número de horas para fazer determinadas tarefas. As tarefas que fazemos não são mais do que a nossa obrigação. Entretanto nós podemos fazer a diferença: Quando nós cumprimos as nossas obrigações com boa vontade e dedicação e procuramos até mesmo fazer além do que foi pedido ou contratado. Porquanto podemos surpreender até mesmo a Deus. Quanto mais ao nosso patrão.

Qual de vós, tendo um servo a lavrar ou a apascentar gado, lhe dirá, ao voltar ele do campo: chega-te já, e reclina-te à mesa? Não lhe dirá antes: Prepara-me a ceia, e cinge-te, e serve-me, até que eu tenha comido e bebido, e depois comerás tu e beberás? Porventura agradecerá ao servo, porque este fez o que lhe foi mandado? Assim também vós, quando fizerdes tudo o que vos for mandado, dizei: Somos servos inúteis; fizemos somente o que devíamos fazer. (Lucas 17:7-10)
Jesus nos exorta a fazer a diferença:

Ouvistes que foi dito: “Olho por olho, e dente por dente.” Eu, porém, vos digo que não resistais ao homem mau; mas a qualquer que te bater na face direita, oferece-lhe também a outra; e ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa; e, se qualquer te obrigar a caminhar mil passos, vai com ele dois mil. Dá a quem te pedir, e não voltes as costas ao que quiser que lhe emprestes. Ouvistes que foi dito: “Amarás ao teu próximo, e odiarás ao teu inimigo.” Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem; para que vos torneis filhos do vosso Pai que está nos céus; porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons, e faz chover sobre justos e injustos. Pois, se amardes aos que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem os publicanos também o mesmo? E, se saudardes somente os vossos irmãos, que fazeis demais? Não fazem os gentios também o mesmo? Sede vós, pois, perfeitos, como é perfeito o vosso Pai celestial. (Mateus 5:38-48)
Ao não resistir ao mau nós surpreendemos. Ao fazer o dobro do que nos foi exigido nós surpreendemos. Ao oferecer a outra face nós surpreendemos. Ao não desejar o mau aos nossos inimigos e perseguidores nós surpreendemos. Ao ser humilde com quem é arrogante nós surpreendemos (embora a humildade irrite aos arrogantes, se possível os evite).
O teu patrão pode até não ver a tua dedicação, mas Jesus tudo vê. Ele, ao seu tempo, recompensa aos seus servos conforme as suas obras.

Deus abençoe,
R. S. Chaves


Leia os livros de R. S. Chaves




sexta-feira, 3 de março de 2017

CONDUTA EXEMPLAR

CONDUTA EXEMPLAR

O novo convertido deve aprender a palavra de Deus, para saber o que pode e o que não pode fazer.

Pelo que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. (2 Coríntios 5:17)
Para que tudo se faça novo é necessário estar em Cristo, isto é, dentro da sua Palavra. Para estar dentro da sua Palavra é necessário conhecê-la. Para conhecê-la é necessário que leia, medite, compreenda, aprenda, guarde e pratique a Palavra de Deus.

Portanto digo isto, e testifico no Senhor, para que não mais andeis como andam os gentios, na verdade da sua mente, entenebrecidos no entendimento, separados da vida de Deus pela ignorância que há neles, pela dureza do seu coração; os quais, tendo-se tornado insensíveis, entregaram-se à lascívia para cometerem com avidez toda sorte de impureza. Mas vós não aprendestes assim a Cristo. Se é que o ouvistes, e nele fostes instruídos, conforme é a verdade em Jesus, a despojar-vos, quanto ao procedimento anterior, do velho homem, que se corrompe pelas concupiscências do engano; a vos renovar no espírito da vossa mente; e a vos revestir do novo homem, que segundo Deus foi criado em verdadeira justiça e santidade. Pelo que deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo, pois somos membros uns dos outros. Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira; nem deis lugar ao Diabo. Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tem necessidade. Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas ó a que seja boa para a necessária edificação, a fim de que ministre graça aos que a ouvem. E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção. Toda a amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmia sejam tiradas dentre vós, bem como toda a malícia. Antes sede bondosos uns para com os outros, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo. (Efésios 4:17-32)
Neste texto Paulo fez um resumo de como deve ser a conduta do crente.

Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado. Permanecei em mim, e eu permanecerei em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não permanecer na videira, assim também vós, se não permanecerdes em mim. Eu sou a videira; vós sois as varas. Quem permanece em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer. Quem não permanece em mim é lançado fora, como a vara, e seca; tais varas são recolhidas, lançadas no fogo e queimadas. (João 15:3-6)
Jesus disse que a sua palavra nos limpa. Por isso devemos estar sempre lendo e meditando a Palavra. A nossa conduta tem que ser exemplar. A Luz do mundo deve estar sempre brilhando em nós. Quando conseguimos ter uma conduta exemplar alcançamos o respeito e admiração de todos. O nosso modo de vida em si já é uma pregação do Evangelho, pois as pessoas veem Jesus dentro de nós.

Deus abençoe,
R. S. Chaves




quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

ORAI SEM CESSAR

ORAI SEM CESSAR
Leia pouco e aprenda muito


Acordou? Ore. Vai almoçar? Ore e apresente a tua refeição ao Senhor, pois se houver algum mal nela o Senhor vai revelar ou te livrar. Fez compras? Ore e apresente ao Senhor as tuas compras, pedindo a sua unção e a sua benção. Vai dormir? Ore. Acordou de madrugada? Ore. Vai sair? Ore pelo teu trabalho, ore pelo teu patrão, ore pela empresa em que você trabalha. Ore pelo teu estudo, ore pelo teu professor ou professora. Ore pela tua família, pelo teu bairro, tua cidade, teu país. Vai voltar para casa? Ore.
Parece um exagero? Não é. É uma necessidade. O crente tem que estar ligado nos céus, e essa ligação é através da oração.

“Orai sem cessar.” (1 Tessalonicenses 5:17)
Está aflito alguém entre vós? Ore. Está alguém contente? Cante louvores. Está doente algum de vós? Chame os anciãos da igreja, e estes orem sobre ele, ungido-o com óleo em nome do Senhor; e a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados. Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A súplica de um justo pode muito na sua atuação.” (Tiago 5:13-16)
As nossas orações têm resposta mais rápida e mais eficácia quando oramos pelos nossos irmãos em Cristo. Por isso a bíblia nos exorta a orarmos uns pelos outros. Devemos orar sempre pelos nossos pastores, pelos obreiros, por livramento de pessoas de má índole, etc. Ore para que o preletor não fale de si mesmo, mas que a palavra venha inspirada pelo Espírito Santo.

"Finalmente, irmãos, orai por nós, para que a palavra do Senhor se propague e seja glorificada. Como também o é entre vós, e para que sejamos livres de homens perversos e maus; porque a fé não é de todos." (2 Tessalonicenses 3:1-2)
Quando você acordar de madrugada e perder o sono é porque o Espírito Santo quer que você ore. Ore pelos teus perseguidores, nunca deseje o mal para quem quer que seja. Lembre-se: não estamos lutando contra a carne, mas contra as potestades do mal.

"Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem;" (Mateus 5:44)
Devemos orar também para não cairmos em tentação.

"Quando chegou àquele lugar, disse-lhes: Orai, para que não entreis em tentação." (Lucas 22:40)
Você deve ter muito cuidado nas intercessões, procurando fazer também um jejum além das orações, para que o inimigo não venha tocar em ti ou na tua família.

"Respondeu-lhes: Esta casta não sai de modo algum, salvo à força de oração e jejum." (Marcos 9:29)
Em suma, o crente que não vive em oração está sujeito às armadilhas do inimigo, em risco de cair em tentação. Ore e vigie. Seja um vencedor em Jesus.

Deus abençoe,



R. S. Chaves




Leia os livros de R. S. Chaves

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

VOLTOU… SE CONFESSE

VOLTOU… SE CONFESSE

Leia pouco e aprenda muito

Quem já foi evangélico e retorna para Jesus não é mais novo convertido. Todos os pecados praticados durante o afastamento devem ser confessados para Deus. Se você não se lembra de tudo, peça a ele para te lembrar. Isto é muito importante, pois pecado praticado e não confessado não alcança o perdão de Deus. Consequentemente o crente irá para o julgamento junto com os ímpios.
Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. (Mateus 6:6)
Os pecados devem ser confessados para Deus. Peça perdão de todos os pecados somente para Deus. Se pecou contra alguém em particular, em particular peça perdão para ele. Se pecou contra a igreja, somente aquele pecado deve ser pedido perdão para a igreja.
Eu, porém, vos digo que todo aquele que se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e quem disser a seu irmão: Raca, será réu diante do sinédrio; e quem lhe disser: tolo, será réu do fogo do inferno. Portanto, se estiveres apresentando a tua oferta no altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai conciliar-te primeiro com teu irmão, e depois vem apresentar a tua oferta. Concilia-te depressa com o teu adversário, enquanto estás no caminho com ele; para que não aconteça que o adversário te entregue ao guarda, e sejas lançado na prisão. Em verdade te digo que de maneira nenhuma sairás dali enquanto não pagares o último ceitil. (Mateus 5:22-26)
Está doente algum de vós? Chame os anciãos da igreja, e estes orem sobre ele, ungido-o com óleo em nome do Senhor; e a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados. Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A súplica de um justo pode muito na sua atuação. (Tiago 5:14-16)

Não basta voltar para a igreja. Você tem que confessar todos os pecados. Mas cuidado, não exponha toda a tua vida aos irmãos. Reconcilie-se com Deus. Tenha paz com ele. Tenha a certeza da salvação no teu coração. Se tiver dúvidas, Deus é fiel amigo para te responder. Seja feliz com Jesus.

Deus abençoe,
R. S. Chaves